Startup Brasil: A verdade nua e crua

Quando soube do programa Startup Brasil, fiquei muito animado. Pensei comigo mesmo que seria uma grande oportunidade do Brasil fazer algo bacana. Quando anunciaram o Felipe Matos, fiquei mais esperançoso ainda. Só que no Brasil, nada que idealizamos acontece. Quando anunciaram a Copa e Olimpíadas aqui, achei quer seria a chance de fazer algo certo e deixar um legado, mas vejam o que aconteceu. Isso serve, letra por letra, para o Startup Brasil. Bom, é verdade que é o primeiro programa deste porte no país e que foi feito um grande esforço para que ele saísse do papel, e isso é louvável. Por isso é justo destacar que é um projeto com potencial, porém no momento, tem sido mais tapas na cara que qualquer outra coisa.

image

Tive o cuidado de estudar bastante o edital para startups e também de conversar com especialistas em editais, além de ter tido oportunidade de me reunir com a Acelera MG em ao menos duas oportunidades e também de conversar com vários outros envolvidos no processo, tendo vários empreendedores como testemunha de todas essas conversas além dos e-mails registrados que, em caso de morte ou similares, servirão de prova do que estou dizendo.


Aceleradoras
As polêmicas deram início já no primeiro edital, destinado às aceleradoras. A grande surpresa se deu pela seleção de nove e não seis aceleradoras como foi anunciado originalmente. Não obstante, várias aceleradoras nem existiam quando foram escolhidas. Acelera MG, Microsoft, Outsource Brasil e Start You Up eram recém nascidas, sem contar outras que nem tinham acabado sua primeira rodada de aceleração, como a Aceleratech, por exemplo.

Lembro-me, que nem site algumas aceleradoras possuíam. E, vou compartilhar um pouco do que eu sei e posso provar sobre a Acelera MG.

Como já disse, a Acelera MG é uma aceleradora nova. Não possui nenhuma experiência. Mas não é somente isso que ela não tem(não tinha quando foi selecionada). Quando selecionada, a mesma não possuía um coordenador, que após ter sido aprovada, contratou Felipe Byrro para esta função, conjunta com Yuri Gitahy. A Acelera MG não possuía, até então, local para acelerar as empresas. Inclusive, o local está em reforma neste momento. Os mentores da lista publicada não haviam sido procurados com antecedência para disponibilizar seus respectivos nomes nela. Até hoje, nomes não autorizados, permanecem lá. Por último, houve uma contra-partida do Governo Estadual de Minas Gerais de R$200.000,00 para cada startup selecionada. Porém, deste montante, apenas R$50.000,00 serão repassados para o empreendedor. O restante, até hoje, não sabemos para onde irá. Após inúmeros e-mails com Wilson Caldeira, Yuri Gitahy, Felipe Byrro e outros, não foi dado uma posição sobre isso. Ao contrário, segundo Wilson Caldeira, essa contra-partida do Governo Estadual que seria destinado às startups seria utilizado para custear a Acelera MG.

Tenho todos os e-mails sobre essas conversações. Também, graças a Deus, outros empreendedores podem testemunhar favoravelmente no que diz respeito a todas as informações que acabo de dar.

Se pergunte comigo: Como uma aceleradora dessas foi aprovada? Sem trackrecord, sem planejamento, sem equipe. Uma aceleradora engraçada, não tinha dinheiro, mentor, estrutura, não tinha nada.

Startups
Antes de falar sobre as startups selecionadas, gostaria de enfatizar que eu não participei do processo. Estou isento, não estou defendendo nenhuma causa em meu favor, nem em favor de ninguém em especial.

Gostaria de parabenizar todos que se inscreveram e que conseguiram passar. É uma grande vitória. Porém, algumas coisas precisam ser levantadas sobre as startups aprovadas e suas relações com todo o processo do programa. Vamos analisar alguns casos, já relacionando com o ponto que eu entendo ser o mais polêmico: Várias startups selecionadas já foram aceleradas, algumas já receberam até investimento e agora estão sendo “re-aceleradas” pelas mesmas aceleradoras.

21212: Aentropico, EasyAula e Estoks(Bidcorp)

Acelera MG: Uaizo e AppProva*
*AppProva é uma startup incubada na Fumsoft, gestora da Acelera MG.

Aceleratech: Convenia e Timobox(spin-off da Timolico, já acelerada pela Aceleratech)

Pipa: LoveMondays

Start You Up: Payparking e SensorBox

Wayra: Intoo*, Prodeaf, Hello Universe* e Chegue Lá*
*A Intoo, Chegue Lá e Hello Universe ainda não foram aceleradas pela Wayra, apesar de já terem sido selecionadas pelo último processo seletivo que ocorreu há 3 meses.

Qual é o problema aqui? Bom, o problema é simples. As aceleradoras já são sócias das startups acima citadas. Foram selecionadas, ao menos, 13 startups que já são sócias das aceleradoras. As aceleradoras re-acelerarão projetos os quais já são sócias, possuem participação e dividem o lucro(em caso de o mesmo existir).

Além disso, a Aentropico já é/foi estabelecida no Brasil(ficou no país durante a sua primeira aceleração e voltou para a Colômbia), o que fere o edital, ao menos moral e eticamente, o qual participou.

A Uaizo é, segundo informações passadas, de um diretor e mentor da Fumsoft(Acelera MG). Segundo a organização do Startup Brasil, se a Uaizo for selecionada pela Acelera MG, será desclassificada e, por motivos éticos, será encaminhada a outra aceleradora.

Também há uma empresa de roupas, que já está no mercado há 18 anos. Aparentemente, esta fere o artigo I, do caráter do projeto para ser apoiado. 

A LoveMondays é uma startup fundada por um Irlandês que reside no Rio de Janeiro e uma brasileira natural de Erechim que utilizou o edital gringo para ser aprovada. É importante lembrar que ela opera no Brasil há algum tempo e possui até endereço aqui. Essa informação foi conseguida através da página da LoveMondays no Linkedin.

Tirando as startups re-aceleradas, temos as startups “fantasma”. Não possuem site, nada. Nem um MVP visível, nada. Então, fica difícil até avaliá-las. Nem sei o que dizer sobre elas. Vamos a algumas:

Sem site: EduSynch, AFTScan, Broader, Executive, Geomais, Leva-la, Motomob, Mundo de Aventura, PayParking, Quero Frete

Sites que dão medo: Data Mundus, Data Event, Econo Data

Empresa de moda sem site e nenhum rastro no google e em nenhum outro lugar do planeta: Totemstore 

Startup com site, mas sem nada dentro: Timobox

Lembrando que é de peso três, valendo 10 pontos o quesito Solução, onde um dos pontos é “Fase de evolução do produto/serviço”, é meio estranho ver tantas startups aprovadas mesmo tomando um pau danado neste quesito(II.3.1 A).

Conclusão
Deixo para cada um considerar sobre as startups selecionadas que nem site tem. As que tem um site sofrível, vale lembrar que podem ser grandes desenvolvedores, porém péssimos designers, então “passa”.

Foi dito que as aceleradoras não haviam participado deste processo, etc. Mas as inúmeras fontes, tanto de jornais, quanto empreendedores, mostram que isso não é verdade. As aceleradoras tiveram participação na seleção das startups. As aceleradoras influenciaram um processo e, ao que tudo indica, beneficiaram direta e indiretamente muitos dos seus já acelerados. E mais, se não houvesse um veto da banca, teriam aprovado ainda mais projetos já acelerados.

Mais uma vez, vemos o dinheiro do Estado escoar de maneira, no mínimo, duvidosa nas mãos de pessoas que, infelizmente, não podemos confiar. Precisamos abrir nossos olhos e entender que mentores são nossos outros colegas empreendedores, que aceleração é passar o dia trabalhando no escritório de outra startup, que pitch se faz para clientes e não em eventos de startup e que dinheiro se consegue vendendo seu produto/serviço e não apresentando seu deck para um VC.

E aí, faltou alguma coisa para dizer sobre a verdade do processo do Startup Brasil? Deixe sua opinião para enriquecer nossa conversa.

Este post está sendo constantemente atualizado com correções e novas informações. Fique atento.

Informações obtidas através das fontes a seguir:

http://startups.ig.com.br/2013/start-up-brasil-divulga-startups-selecionadas-para-a-primeira-turma-de-aceleracao/

http://g1.globo.com/tecnologia/startup/platb/2013/07/29/governo-anuncia-as-56-startups-aprovadas-em-programa-veja-lista/

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=499838946759214&set=a.393178837425226.91623.392509497492160&type=1&relevant_count=1

https://www.facebook.com/groups/supbra/permalink/538252596223282/

https://www.facebook.com/groups/supbra/permalink/538044369577438/

https://www.facebook.com/groups/supbra/permalink/537269366321605/

https://www.facebook.com/groups/supbra/permalink/537398562975352/

https://www.facebook.com/groups/startupbrasil/permalink/516336035104778/

https://www.facebook.com/groups/startupbrasil/permalink/515863228485392/

https://www.facebook.com/groups/startupbrasil/permalink/515734635164918/